O que é um eixo comando?

01/03/2019|Contagem Motor Peças

Você conhece o motor do seu carro? Sabe como funcionam os mecanismos que permitem a essa estrutura dar movimento ao seu automóvel? Neste texto, falaremos sobre uma importante parte do funcionamento do motor do veículo: o eixo comando. Você sabe o que é e para que serve? Então fique atento a este artigo!

O funcionamento do motor

Motores de automóveis são chamados de “motores de combustão interna” pois o combustível (gasolina, etanol ou diesel) é queimado dentro de suas válvulas. Os motores podem ser de 2 tempos (mais comum em motos antigas ou de Motocross) ou 4 tempos (a maioria dos outros veículos) – a física é a mesma.

O movimento dos pistões e do virabrequim, coordenados à ação das válvulas de admissão e de exaustão permitem que o combustível seja queimado dentro do motor, gerando o movimento. De forma simplificada, o combustível é admitido, pressionado e queimado após a geração da centelha criada pela vela de ignição.

Sua explosão causa a força que move o pistão junto à biela e o virabrequim. O resultado da combustão são gases que precisam ser expelidos. Assim, a válvula de exaustão é aberta e os gases são expulsos do pistão enquanto um novo combustível é admitido no sistema.

Mas o que faz estas válvulas de admissão e exaustão se abrirem e fecharem no tempo correto para permitir que o combustível possa entrar e, posteriormente, os gases possam sair? Uma das maravilhas da engenharia: o eixo comando.

O funcionamento do eixo comando

O desenho de um eixo comando de um motor de combustão interna parece irregular, mas foi planejado desta forma. Segue a estrutura de um eixo convencional (um cilindro metálico comprido), porém, acoplado a partes com um formato oval fatiado de forma a ter superfícies planas em seus dois lados.

O formato oval é o que permite ao eixo comando funcionar adequadamente. Atrelado às válvulas de admissão e de exaustão (na maioria dos casos, pois em alguns motores apenas a válvula de exaustão ou de admissão é ligada ao eixo), o eixo de comando se movimenta na mesma frequência do virabrequim e, portanto, dos giros do motor. Assim, em intervalos regulares, e com períodos adequados para cada ciclo de combustão, o eixo comando regula a entrada de combustível e a saída de fumaça.

Na prática, é um processo extremamente rápido, que acontece a milhares de vezes por segundo. Porém, defeitos no eixo comando podem ser responsáveis por deixar um carro parado na garagem ou até mesmo fundir o motor em caso de sobreaquecimento. Por isso, manutenções preventivas são necessárias regularmente a fim de manter o eixo comando e outras partes do motor em pleno funcionamento.

O que determina a abertura e o fechamento das válvulas

O eixo comando é o que regula a abertura e o fechamento das válvulas de admissão e exaustão. Isso tem relação com a quantidade de combustível consumida e com a potência que o motor entrega. Normalmente, o raio do eixo, o volume do pistão e as características de aceleração do condutor (pé mais leve ou pesado) interferem diretamente na ação do eixo comando.

Tags