Aditivo de Radiador

O sistema de arrefecimento dos carros tem a função de manter a temperatura em uma faixa que o motor possa trabalhar em plenas condições. Esse sistema precisa de um líquido refrigerante, que é a água, mas não somente ela. O aditivo, é ideal para manter limpo e em bom funcionamento o sistema de arrefecimento. Eles aumentam o ponto de ebulição e diminuem o ponto de congelamento da água. Isso ajuda a manter na temperatura ideal o sistema de arrefecimento.

O mercado de aditivos para radiadores, atualmente, oferece três tipos de aditivo para radiador. Entre eles os aditivos compostos por etilenoducol, que são altamente tóxicos, os aditivos orgânicos, que são biodegradáveis e, por fim, os aditivos sintéticos, de longa vida e tempo de duração estendido. Tenha em mente que fazer a mistura de um desses três aditivos não é positiva para o sistema do carro. Pois isso pode influenciar diretamente no tempo de vida útil do motor e do produto.

MANUTENÇÃO

O período para realizar a troca do aditivo para radiador é, em média, de um ano ou a cada 30 mil quilômetros rodados. Essa troca pode ser feita, facilmente. O processo não leva mais do que alguns minutos e garante a segurança do carro por muito mais tempo.

CUIDADOS

Se você começou usando, por exemplo, um aditivo orgânico, procure sempre fazer a troca por outro aditivo orgânico. Se você ainda não sabe qual é o mais indicado para o seu carro, consulte o manual do proprietário. Caso essa informação não conste no manual do proprietário, existe a possibilidade de buscá-la no site do fabricante de aditivos para radiador.

Tenha certeza do tipo de aditivo que você está adicionando ao seu carro antes de comprá-lo ou fazer a troca.

Muitas pessoas se perguntam qual a quantidade de aditivo para radiador que deve ser misturada na água. Esse número é bastante variável de carro para carro. Por isso, consulte o manual do fabricante para colocar exatamente o solicitado.

É muito importante lembrar-se sempre de fazer a mistura da água com o aditivo para radiador todas as vezes que for reabastecer o reservatório do fluido do radiador.

PROBLEMAS COMUNS

Além de auxiliarem a manter a temperatura ideal da água que circula pelo sistema de arrefecimento, os aditivos são responsáveis pela proteção à corrosão das peças.

A falta do produto ou se ele estiver vencido podem provocar corrosão e ferrugem nas partes metálicas e comprometer o funcionamento.

Se não houver o conserto quase de imediato no vazamento de água do veículo (ou do aditivo para radiador), vários problemas graves podem acontecer. Como por xemplo queimar a junta do cabeçote e até o motor do carro pode fundir.

Os carros mais velhos costumam “enviar” alertas de que o aditivo para radiador precisa ser trocado por meio desses vazamentos. Esses vazamentos costumam acontecer quando o carro está muito quente.

SOLUÇÃO DE PROBLEMAS

Em casos de urgência, posso usar somente água no radiador? Não é o indicado, a menos que a situação seja de extrema urgência. Afinal, é melhor um fluido imperfeito do que um motor sobreaquecido com grandes possibilidades de fundir.

Mas, na primeira oportunidade, pare em um posto de gasolina ou em algum mecânico de confiança para realizar a devida troca e adicionar o aditivo para radiador. Andar somente com água não é o ideal e pode causar problemas no carro. Essa situação só deve ser realizada em casos de emergência.

 

OUTRAS FOTOS